Chapas de aço: Conheça o processo de conformação - GalvaMinas
Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Chapas de aço: Conheça o processo de conformação

A conformação do aço é uma transformação pela qual as chapas de aço passam para atingir uma nova forma. Esse processo é realizado por meio de equipamentos específicos e o formato final pode variar de acordo com a finalidade do uso. Neste post, você vai conhecer mais sobre como ele é feito.

Ela pode ser realizada por processo mecânico, que é mais rápido; ou hidráulico, mai longo e intenso. Dependendo do tipo e da temperatura da chapa utilizada, esse processo pode ser realizado a quente ou a frio. Cada método vai interferir nas características finais da peça.

Os processos mais comuns de conformação de chapas de aço são os seguintes:

Forjamento

O forjamento é o processo pelo qual a conformação ocorre por meio de compressão, fazendo com que a chapa assuma o contorno da ferramenta utilizada. Geralmente é feito a quente, em temperaturas acima da cristalização do metal, mas também pode ser realizado a frio. Para forjar uma chapa de metal, são usadas técnicas de martelamento e prensagem. Enquanto o martelamento atinge as camadas superficiais, a prensagem produz deformação nos níveis mais profundos do material.

Os processos do forjamento são a prensagem, o forjamento simples ou livre, o forjamento em matriz e a recalcagem. No forjamento a quente, o metal é aquecido e se dilata. Por isso, a matriz deve ser maior que a peça.

Estampagem

processo de conformação por estampagem, consiste na fabricação de peças metálicas por meio do corte ou deformação das chapas. Geralmente realizado com operações de prensagem a frio, nele a chapa metálica adquire uma nova forma geométrica, plana ou oca. As chapas mais usadas na estampagem são as com liga de baixo carbono, de aço inoxidável, de liga de alumínio-manganês e de alumínio-magnésio. Além do material, outros fatores que contribuem na qualidade final do produto são as propriedades mecânicas, as especificações dimensionais, a aparência e o acabamento da superfície. Os produtos mais comuns resultantes do processo de estampagem são as cápsulas, carrocerias e para-lamas de automóveis.

[ebook_madeira_com_form]

Laminação das chapas de aço

Esse é o processo de conformação mais realizado. Nele, as chapas de aço são submetidas a altas tensões compressivas proporcionadas por dois rolos. Apresenta alta produtividade e um controle dimensional preciso do produto final. Após uma etapa de preparação a quente, o aço é transformado em chapas, tiras, tubos, perfis estruturais ou qualquer que seja o produto final desejado. Os dois cilindros giram em sentidos opostos e conferem uma espessura igual a abertura entre eles.

Corte e dobra

O corte e a dobra são processos complementares. O corte é geralmente feito por cisalhamento, que é a deformação que a chapa metálica sofre pela ação oposta de forças cortantes. Já a dobra é realizada por um conjunto de duas ou mais peças, que alteram a superfície da chapa ao exercer força sobre ela. Algumas empresas oferecem esse serviço sob medida para o cliente. Alguns exemplos são os vergalhões usados na construção civil.

Esse é o processo de conformação de chapas de aço e os exemplos mais comuns. Ficou com alguma dúvida sobre esse assunto? Comente abaixo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.