Saiba como calcular o custo de mão de obra para construção - GalvaMinas
Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Saiba como calcular o custo de mão de obra para construção

aprenda sobre custo de mão de obra para sua construção

Para o sucesso de uma obra um dos pontos-chave é o planejamento de todo o projeto de construção civil. Quando feito de forma correta, você e o cliente alcançam os objetivos esperados e não têm surpresas durante a obra. Para isto, é fundamental um orçamento que conte com todas as despesas, e o custo de mão de obra deve ser muito bem pensado para que não apareçam imprevistos.

O que é mão de obra?

Na construção civil a mão de obra é a parte que possibilitará, direta ou indiretamente, a realização plena da obra. Os profissionais envolvidos são os pedreiros, arquitetos, eletricistas, pintores, marceneiros, dentre outros. Esta mão de obra pode estar presente de três formas:

  • nos Custos Unitários diretos dos serviços – são os profissionais que serão responsáveis por executar, diretamente, o projeto;
  • nos Custos Indiretos – também conhecidos como custos de infraestrutura e de apoio à produção. Pode ser na instalação do canteiro de obras, administração local, mobilização e desmobilização da obra;
  • nas Despesas Indiretas – estes trabalhadores são aqueles que estão presentes na administração central ou sede da empresa.

A soma destes diferentes tipos de mão de obra forma o seu custo total que será gasto com trabalhadores. Ele se adequará de acordo com as especificidades da obra em questão.

Por que o custo de mão de obra deve estar no orçamento?

No orçamento constará os custos médios de toda a obra, os valores unitários e todas as projeções da obra. Ter certeza de onde se gasta o dinheiro investido no projeto otimiza o lucro e a produtividade. Um orçamento eficiente deve conter ainda as horas de trabalho. Esta quantificação deve ser feita a partir da quantidade de profissionais que serão utilizados no decorrer da obra.

O que levar em consideração na hora da contratação?

Para economizar e não ter surpresas você precisa de ter profissionais qualificados atuando a seu lado durante todo o processo. Algumas dicas que podemos destacar na hora de contratar a mão de obra são:

  • Fazer pelo menos três orçamentos diferentes;
  • Procure referência dos profissionais, a reputação em relação aos prazos de entrega e cumprimento de cronograma;
  • Relação custo x benefício, os resultados são tão importantes quanto o valor cobrado pelos profissionais, desta forma você garante a economia, mas também mantém a qualidade do empreendimento;
  • Faça um contrato de prestação de serviços com cada profissional.

Tipos de cobrança dos profissionais da construção civil

São três formas mais comuns de contratação na área de construção civil. Elas podem variar de acordo com a escolha do profissional, o tipo de serviço e a duração deste. Algumas coisas devem ser equilibradas e, assim, você consegue o melhor para o seu projeto. Analise as opções que adequam ao que você precisa.

  • Por dia de serviço: este tipo de contrato é viável apenas quando você precisa de pequenos consertos ou reformas. Em geral, esta forma de contratação não é boa para nenhuma das partes envolvidas;
  • Por etapa ou contratos de empreitas: cada etapa do projeto (alicerce, alvenaria, acabamento, hidráulica, dentre outros) possui um preço fixo. Esse valor, normalmente, é calculado por metro quadrado. Esta forma é interessante, você não fica refém do profissional e seu valor é estipulado desde o início do trabalho. Este tipo de contrato é ideal para quando você precisa de um especialista de cada área.
  • Por obra fechada: Esta é a forma mais comum de contratação. Neste caso é calculado o valor final, também de acordo com o número de metros quadrados do empreendimento. Esta forma de pagamento é boa para ambas as partes envolvidas devido à previsibilidade. Você pode saber exatamente quanto o profissional irá receber desde o início da obra.

Como calcular os custos da mão de obra

Multiplicando a quantidade necessária de cada serviço você encontra quantas horas cada profissional gastará para concluir as etapas do projeto. A fórmula utilizada é:

Custo de mão de obra = salário x [1 + (leis Sociais + Encargos Complementares)]

Para o sucesso do seu projeto é imprescindível orçar o custo de mão de obra de forma precisa. Sem contar que fazendo escolhas eficientes você reduz os custos finais do empreendimento. Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.