Dicas de como fazer um telhado - GalvaMinas
Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Dicas de como fazer um telhado

Com a opção da laje, a utilização dos telhados foi reduzida como estrutura principal na maioria das casas. Ainda assim, utiliza-se o telhado para proteger a cobertura de laje ou para valorizar a arquitetura de uma construção. O efeito do seu uso também poderá contribuir para melhor ambientação do espaço interno do imóvel, dependendo das escolhas quanto à sua construção.

Para construir essa estrutura é necessário conhecer os seus componentes e, a partir deles, elaborar um planejamento, contratar profissionais e comprar os materiais. Para que você saiba como fazer um telhado e possa decidir as melhores formas de investir nesse tipo de cobertura, vamos te dar algumas dicas.

1. Defina o tipo de cobertura do telhado

O tipo de cobertura de um telhado é definido pela quantidade e inclinação de “águas”, que recebe esse nome por determinar como a estrutura escoa a chuva. Atualmente, os telhados mais comuns são de água plana, por serem utilizados para proteção da laje e climatização da construção.

Embora seja a mais comum, não é a única opção. Telhados de uma ou duas águas também são bastante comuns, o primeiro escoa a água da chuva apenas para um lado, enquanto o segundo escoa a água para dois lados e assim ocorre sucessivamente conforme o número de águas. O telhado também pode apresentar outros formatos em estruturas mais elaboradas, como a de arco ou abóbada.

2. Escolha o tipo de telha

Após definir o tipo de cobertura para o seu telhado, você precisará escolher o tipo de telha mais adequado, assim como o material mais apropriado ao clima. As telhas podem variar tanto em relação ao material quanto pelo formato. As mais utilizadas são as de fibrocimento, metálicas, de cerâmica e PVC.

Dentre os materiais da telha, ainda poderão haver adicionais, como no caso das telhas termoacústicas. A escolha deve considerar principalmente a funcionalidade da telha e, caso a estrutura fique visível, também a qualidade estética do material, de modo a valorizar o imóvel.

3. Determine o tipo de estrutura

Existem dois materiais possíveis para montar a estrutura que sustentará o telhado: o aço e a madeira. A madeira é mais tradicional e tem grande valor estético, porém seu orçamento é mais caro. O aço, atualmente, vem ganhando espaço como opção, pois suas possibilidades estéticas e valorização em imóveis tem sido crescente, ao mesmo tempo, em que é uma opção mais limpa e econômica.

4. Como fazer um telhado: não esquecendo dos elementos construtivos

Os elementos construtivos são muito importantes para que o telhado funcione bem e tenha durabilidade. Eles devem ser escolhidos de acordo com o clima local e a estrutura final que se pretende com o telhado. Fazem parte desse complemento: cumeeiras, calhas, rufos, pontos de ventilação, dentre outros.

Além dessas dicas sobre como fazer um telhado, é importante que o seu projeto respeite as políticas de construção local, considere o clima e intempéries ambientais, assim como o conforto e qualidade de vida daqueles que irão usufruir do imóvel.

O ideal é contratar profissionais qualificados que realizem ou auxiliem na obra para garantir que a sua casa ficará bem protegida.

Você pode ficar ainda mais preparado para planejar o seu telhado da melhor forma acessando o nosso texto: Estrutura de aço ou de madeira: qual escolher? e dê mais um passo para a construção da sua cobertura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.