Metal: 5 tipos presentes em objetos de uso cotidiano - GalvaMinas
Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Metal: 5 tipos presentes em objetos de uso cotidiano

A descoberta do metal foi um dos pilares para o desenvolvimento da civilização e, apesar da criação de outros materiais, como o plástico, ele continua a marcar forte presença no dia a dia. Você já parou para pensar no quanto o metal está presente em sua vida?

Dentre os objetos de uso cotidiano, lidamos com diferentes categorias de metais. Esse material retirado diretamente da natureza, ainda que modificado, também é um dos preferidos ao pensarmos em sofisticação e qualidade quando presente nos objetos em lugar de outros materiais.

Além dos aspectos funcionais, como o armazenamento de calor, condução elétrica, durabilidade e outros que são variáveis conforme o tipo de metal, encontramos muitos objetos metálicos de uso cotidiano que investem em sua apresentação estética.

Vamos conhecer aqui alguns tipos de metais e sua presença em nossa rotina!

1. Ferro

Vários utensílios domésticos são confeccionados em ferro, como facas de corte e panelas. É o mesmo caso de diversas ferramentas, como o prego, a chave e a cabeça dos martelos. O ferro também está muito presente em peças de automóveis e, como você já deve saber, na estrutura de construções. Latas de bebidas e alimentos são igualmente confeccionados desse material.

2. Aço

O aço é uma alternativa ao ferro, mais resistente e sofisticado, o que amplia as suas possibilidades de uso ou aumenta a qualidade dos objetos que são feitos com esse material. Uma das vantagens do aço é que a sua oxidação é menor que a do “ferro puro”.

Assim como o ferro, ele está presente em latas de bebidas, alimentos, utensílios domésticos, ferramentas, peças, carcaça de automóveis, estrutura de construções e muito mais. Também é possível encontrar o aço em alguns instrumentos musicais, principalmente os de percussão.

3. Alumínio

Embora esteticamente seja muito agradável, o alumínio geralmente é uma alternativa mais barata e leve que substitui o uso do aço ou do ferro nos objetos metálicos de uso cotidiano. Sua durabilidade e manutenção, no entanto, podem ser mais frágeis em alguns casos.

Porém, nem sempre. O alumínio às vezes é utilizado, por exemplo, para confecção de componentes das carcaças do carro, esquadrias e até smartphones, como é o caso do iPhone 5s. Tudo depende do modo com que ele é trabalhado… Esse metal também é muito encontrado em utensílios domésticos e em latas de bebida.

4. Cobre

O cobre é aquele metal que está presente em diversos objetos de uso cotidiano, só que você mais usa do que vê. Por suas propriedades de maleabilidade e condução, esse metal é muito utilizado em cabos telefônicos, enrolamento de motores elétricos, encanamentos e pequenas peças de objetos tecnológicos.

5. Metais pesados

Os chamados metais pesados também estão muito presentes em nosso dia a dia, em peças internas ou combinados com outros metais nas ligas metálicas. É o caso do chumbo, que compõe objetos como baterias de carros e lacres; do níquel, presente em baterias de celular; do zinco encontrado em telhados,  baterias; e do mercúrio, presente em lâmpadas fluorescentes, baterias e em alguns termômetros.

Na realidade, é bem comum que muitos objetos metálicos de uso cotidiano sejam compostos de ligas metálicas. O desenvolvimento da tecnologia no trabalho com os metais tem usufruído dos benefícios de misturar porcentagens específicas de determinados metais para criar um material de acordo com as necessidades do objeto a ser produzido.

Flexibilidade e resistência à exposição temporal estão entre as principais ambições dessas misturas, que vem produzindo metais cada vez mais sofisticados. Outra vantagem do uso do metal na produção de objetos de uso cotidiano é por ele ser (100%) reciclável.

Se você é um curioso sobre o assunto, continue conosco e conheça o nosso artigo Estruturas metálicas: Brinquedos de ferro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.